terça-feira, 23 de agosto de 2016

Poesia: Mês do folclore! Homenagem



Folclore: Tempo bom que não volta mais



Quem nunca ficou na espreita para ver se conseguia “capturar” o capuz do arteiro saci, apenas para tê-lo, bem pertinho de si atendendo todas as suas vontades?
Qual o garoto nunca se imaginou ou sonhou ao ouvir a história da Iara, em ir morar no fundo do mar com ela?
Quem nunca achou lindo e ao mesmo tempo morreu de medo do Boi Bumba?
Quem nunca desejou “ter” ou “querer” uma boneca que mesmo desengonçada, tagarela e espevitada.... Era sem dúvida alguma a melhor e eterna amiga do mundo todo.
Ai ai... Como é bom ser criança não é mesmo?
Dar asas as nossas imaginações, sonhos, poder empinar as nossas pipas, tomar chá com bonecas a vontade...
Sair cedo para brincar e só voltar à noite, mais pera e as nossas mães?
O que elas achavam disso?
Não precisávamos de celulares, bip para avisar onde estávamos e ninguém morria por isso
Estávamos todos em casa sempre ao entardecer

Meus sinceros parabéns ao velho e eterno folclore!
Que é comemorado todo dia 22/08/16, porém as crianças felizmente vivem nela todos os dias e que bom se nós adultos não nos esquecêssemos dele quando crescemos, devido por muitas vezes as divergências e eventualidades da vida, que pena.
Que ele possa continuar alimentando os sonhos e a imaginação das crianças.
Quando aos senhores pais, uma dica: Nunca diga a uma criança que não se deve sonhar ou que sonhos não existem…vocês podem destruí-las com isso e não seria nada legal.

Autoria: Lindaiá Campos


Considerações Finais: Ontem, a tarde fui busca a minha filha Júlia como de costume na escola e a mesma me trouxe uma surpresa: Um Boi Bumba feito por ela mesma de caixa de suco, papel crepom, etc. Ela estava tão feliz com o feito e orgulhosa também e assim disse:
“Mamãe leve para suas coleguinhas do trabalho ver o que eu fiz de presente para você do folclore e tire foto pois “eu não gosto de mentiras”, Rsrsrsrsrsr
(Ela sempre diz essa frase…um dia ainda quem sabe farei um texto sobre isso porque não?)
Mais enfim, fiz o que a mesma me pediu e ao retorno ao trabalho fiquei pensando em como é bom ser criança e em como por muitas vezes somos tolos demais para perceber isso?

Quem nunca ouviu ou falou:

“To doida para fazer 15 anos para fazer o que eu quiser!”
“To doida para fazer 15 anos para crescer!”
“To doida para fazer 15 anos para ninguém mandar mais em mim!”
“To doida para fazer 15 anos para morar sozinha!”

Aquém se identificou por aí? Rsrsrsrsrsr

Para depois descobrir ao completar o tão sonhado e esperado 15 anos que cometera um grande engano e continuar a querer crescer mais e mais para novamente descobrir que o mais gostoso da vida é ser criança!

Dedico a aqueles que como eu nunca sofreram essa “síndrome da pressa de crescer”, os meus parabéns e para aqueles que sofreram ou sofrem da síndrome lembrem-se: a idade é simplesmente um estado de espirito.


Abraços a todos e até a próxima!


Lindaiá Campos
#vcnpdeixardeler

 Se você gostou curta,compartilhe,comente,siga-nos!