sexta-feira, 14 de julho de 2017

Aquilo que não se tem

Você não amigo
Nem companheiro

Não vibra com as minhas conquistas
Mais eu sempre vibrei com as suas

Ao acordar
Dá o mínimo para todos
Não para mim

Ah mim só cabe as sobras
De quando se precisa
De algo, alguma coisa

Ainda assim
Diante tanta decepção
Espero o melhor de ti

Um melhor

Que sabemos,
Nunca chegará

Afinal, não podes me dar
O que não tens.